Missionárias Combonianas
Provincia Moçambique-Africa do Sul (MOSA)

Mulher


ARTIGOS

A mulher não nasce mulher, torna-se mulher

Ser mulher não é somente nascer mulher: a mulher se faz mulher como se transforma em mãe, esposa, irmã, filha, um ser humano de valores, na medida em que acolhe, se forma, se assume e realiza da melhor maneira a missão de ser mulher, de ser mãe, de ser pessoa em cujas mãos está a vida.
Elizabeth Carrillo - Missionária Comboniana

Mulher mãe e professora

A mulher desempenha vários papeis como o de esposa, mãe e trabalhadora. Esta versatilidade da mulher trás outros desafios, próprios no concernente a inserção no mercado de trabalho bem como as formas de se viver  em família.
Prof.  Laurinha Rachide

Mulher e Independência

A mulher actualmente vai conquistando a sua independência, visto que antigamente, ela era submissa respeito aos homens, hoje ela vai ocupando o lugar que lhe corresponde na sociedade.
Rute
Aluna da Escola Politécnica Comunitária Feminina de Nacala 

A VERDADEIRA MULHER

 Desejo começar estas linhas retomando a Palavra de Deus, onde o livro dos Provérbios faz um elogio da Mulher exemplar.
« Uma mulher de valor, quem a poderá encontrar? O seu preço é muito superior ao das pérolas… O coração do marido nela confia e jamais lhe falta coisa alguma… Fortaleza e graça são os seus adornos; sorri perante o dia do amanhã. Abre a boca com sabedoria, tem na língua instruções de bondade. Vigia o andamento da casa e não come o pão da ociosidade» ( Pro 31,10-31).
Ir. Maureen Mora Agüero 

O PROBLEMA DE SEMPRE

 O século XXI caracteriza-se pela defesa dos direitos humanos e, gostemos ou não, há quem assuma posições a favor de temas polémicos como o aborto, a eutanásia, a clonagem, etc., o que fazem argumentando com a liberdade da pessoa, a protecção do género, a defesa da liberdade de decisão da mulher, etc. Mas, quando uma jovem mulher fica grávida, a culpa recai sobre ela. Não é, porventura, questão de dois? Porque não se tem feito então nada contra a irresponsabilidade do homem que engravidou a jovem?
Elizabeth Carrillo / missionária comboniana

AS NOVAS IGNOMÍNIAS DO SÉCULO XXI

A mulher na África é uma «fonte de água viva», nela se depositam tesouros, fantasias, magia, mistérios, sentimentos, deuses e antideuses. Ela é a portadora de lendas, ritos, tradições, costumes, conceitos e preconceitos, ilusões e abluções. Não vive para si mesma, porque é consciente de que as suas satisfações, conquistas, dores e desgraças têm uma finalidade maior: o futuro, o seu nihimo (família), a sua comunidade, o seu clã, o seu povo; por isso lamenta e protesta contra aquilo que a humilha e a denigra.
Elizabeth Carrillo | missionária comboniana 

AS LÁGRIMAS SECARAM

Moçambique, a Pérola do Índico, a sua gente simples, alegre, paciente e acolhedora ergue a sua voz, mostrando que a sua paciência chegou ao limite. Milhares de pessoas em diferentes partes do país marcharam em sinal de protesto contra os corruptos e os que cometem fraudes. Quem esteve nesta marcha propõe o diálogo e a paz como único caminho a seguir.
Elizabeth Carrillo | missionária comboniana 

MARCAR A DIFERENÇA

Cada dia nos surpreende mais a actuação de delinquentes e criminosos nas nossas cidades. Hoje em dia, grupos de 15 a 20 delinquentes entram nas casas sem nenhum escrúpulo, ameaçam física e psicologicamente os moradores, com facas e machados, palavras ofensivas e acções violentas, e destroem vidas e residências, roubam, saqueiam, levam tudo, o bom e o menos bom. 

A MULHER COMO PRIORIDADE

Formação e Promoção da Mulher na escola e no lar. Através duma formação integral, promovendo os valores éticos e morais num ambiente simples e digno no qual possam desenvolver suas qualidades e habilidades para serem mulheres promotoras de seu próprio crescimento humano, espiritual e cultural.